7 coisas bizarras da Ásia

Muitos fatos já são conhecidos, maaaas alguns só são revelados quando você põe os pés em terras asiáticas!

1.Fish spa
Nada melhor do que sentir sua pele sendo beliscada por muitos peixes famintos e gritando mentalmente “‘PELE HUMANA MORTAAAA, UHUUUU”, só que não. A sensação é horrível e ainda você paga para alimentar os peixes de um cara de bigode. E atenção: não pode por a mão suja na água, se não a magia acaba!! Os peixes não vem comer seus dedinhos, já que não foi passado o **líquido mágico** alimentador de peixes.
fish spa tailandia

2.Insetos fritos com amendoim
Todo mundo sabe que tem bichos vivos ou fritos para comer na Ásia, porém muitos desconhecem o ryco sabor dessa iguaria: óleo puro com amendoim! Sabe aqueles besouros pretos gigantescos que o pessoal do muay thai come antes da luta? Pois é, nada nutritivo e com super gosto de óleo, muito gorduroso (frito pelo menos, relatos de um conhecido).silk worm tailandia
viscoso mas gostoso
A larvinha de bicho da seda é decente, parece chips, só a textura contrastante crocante x macio que é estranha. Viscoso mas gostoso sqn.

3. Gato na coleira
É bem estranho ver gatos na coleira, principalmente dentro de lojas de roupas ou de conveniência. Pelo menos o bichano não fica dentro de uma gaiola.
gato loja tailandiaSó não são muito simpáticos!

4. Sorvete no pão
Comi sorvete de rua com arroz doce (sticky rice) e amendoim. Baratinho e uma delícia! A opção com pão é uma variação do tradicional cone. E não vá pensando que é um pão especial, é pão de cachorro quente mesmo!
sorvete no pão asia tailandia

5. Foto com a menina branca
Virei sensação por ter a pele super branca. O pessoal encosta em você e vai tirando foto, alguns pedem pra tirar foto junto, outros tiram na mocagem. No início achei meio estúpido, mas depois fazia careta e poses ridículas e tudo mundo ria, eu me divertia e tudo bem. Algumas mulheres *com muito pó de arroz na cara* passavam a mão no meu braço e falavam “beautiful”, “so white!”.
god-of-the-sea eric
Nunca mais me sentirei incomodada de refletir a luz do sol…

6. Tuk tuk not today, nor tomorrow
 É possível que exista um programa chamado “Pimp my tuk tuk”, porque os tuk tuks são muito estilosos!!! Alguns motoristas colocam penduricalhos, neon, luzes piscantes, cores chamativas e adesivos no veículo transportador. E o motorista (normalmente de óculos escuros) não se importa com o número de fregueses, “cabeu tô levano”tuk tuk estilosolegen-DARY!

7. Moda
Vi altos acessórios bizarros nessas lujinhas de bijuterias, mas nenhum supera a tiara de pomba.moda tailandia pomba asia

Bangkok, Banguecoque, BKK

Normalmente sobra uma tarde livre entre uma cidade e outra. Hoje é uma dessas contando a manhã também. Mas nem sempre é possível ficar em um shopping badalado tocando barabarabara bereberebere. Sim, essas preciosidades da música brasileira tocam pelos lados asiáticos.
Bangkok é uma cidade bem moderna com muita gente bizarra: muitos hipsters, gays em todos os lugares e dos dois lados, meninas parecendo bonecas com lentes de contato que aumentam o olho e pó branco na cara inteira e muito turista mulambento tipo eu.
O contraste moderno / histórico é impressionante pois de um lado tem templos, budas e monges, e do outro shoppings cheios de gente, lojas lokonas com leds nas vitrinas e ar condicionado do amor. Entre um shopping e outro, existe algum templo ou monumento no qual os locais acendem incensos, fazem umas preces e deixam um dinheirinho ou comida como oferenda.

A locomoção se torna fácil com a ligação metrô, skytrain e barco. Tudo funciona no self service: você escolhe o trajeto, adiciona as moedas na máquina e ela te da o ingresso e o troco. Lembre-se de manter o ingresso até o final, se não paga multa (também mantenha longe de outros ingressos pois um pode descarregar e vai ter que pagar multa de qualquer jeito #truestory). Também tem um ticket diário pro barco por 150 bahts pra usar quantas vezes quiser, porém sai mais barato não comprá-lo. Algumas coisas só aprendemos perdendo dinheiro. Você consegue chegar nos principais pontos turísticos rapidamente sem utilizar tuk tuks da desgraça. Há também a possibilidade de pedalar pela cidade: basta encontrar a paradinha de bicicleta oficial da cidade, apresentar seu passaporte, tirar umas fotos (prova do crime que é você mesmo usando a bicicleta) e sair pela ciclovia sem a necessidade de gastar nada.

Conhecemos vários templos espalhados em Bangkok. Um dos mais valorizados, digamos assim, é o Wat Arun, escolhido para a moeda de um e de dez bahts. Pra chegar até ele, é necessário pegar uma balsa e pagar a fortuna de 3 bahts + 50 para visitar. As escadas para chegar ao topo são horripilantes pois são muito estreitas e a diferença de um degrau para o outro é alta, seu joelho pede arrego bonito.
As paredes são decoradas com porcelana chinesa e conchas, além de macacos e demônios, o que não deixa de ser um pleonasmo. Mas como minha  bateria da câmera acabou, fica essa foto tirada do ferry linda para apreciação.imageO Buda gigantesco de 43 m de comprimento e 15 de altura motherofholybudas está localizado no Wat Pho, um tempo budista próximo ao palácio real. É conhecido como Buda reclinado ou Wat Phra Chettuphon Wimon Mangkhlaram Ratchaworamahawihan, saúde! Ao lado do Buda existem 108 “panelinhas” nas quais você coloca moedas (segue a sequência até o final), um tipo de ritual para ter boa fortuna na vida e ajudar os monges a manter o templo. Além desse Buda existem outras mil imagens espalhadas pelo complexo. É Buda para dar e vender.image

imageDeve ser difícil encontrar chinelo com esses pés!

O Palácio Real é um complexo com n templos em um espaço razoavelmente pequeno para abrigar tantos. Um grande muro branco separa o lado histórico das ruas cheias de tuktuks e larápios querendo alugar ou vender roupas compridas, já que você não consegue visitar o palácio se não tiver os ombros e as pernas cobertas. Mas fique esperto! Você empresta roupas assim dentro do palácio, no lado direito da entrada, sem pagar nada!! A entrada custa 500 bahts, uma das mais caras, mas compensa!

Cada templo é decorado de forma diferente e possui uma história própria. Este por exemplo guarda um Buda de jade!imageOutros são decorados de todas as formas possíveis, minimalismo non ecsiste.imageOutros possuem formatos e figuras demoníacas ou engraçadas, murais contando alguma história mitológica…Até tem uma cópia do Angkor Wat!!! Como assim vei!! Tudo influência do império khmer. Same same but different.imageDepois de caminhar um monte, aproveite para pedir um pad thai nas barraquinhas na rua, comida deliciosa e barata!!! É de boa comer na rua, sendo cozido ou frito tá valendo, goela abaixo sem dó!imageamor no coração eterno!!!! Sortudos aqueles que vão na minha casa jantar #fikdik